Sangramento de escape: Saiba o que pode ser essa alteração no ciclo menstrual e previna-se!

sangramento de escape

O corpo das mulheres sofrem muitas mudanças ao longo do seu ciclo menstrual, e em alguns momentos é possível que a mulher tenha um sangramento de escape, que consiste em um pequeno sangramento que não é a menstruação e muitas vezes pode deixar a mulher preocupada.

Se você deseja entender um pouco mais sobre esse sangramento, esse artigo é para você, continue conosco e confira a seguir tudo sobre o que pode estar ocasionando ele.

O que é o sangramento de escape?

O sangramento de escape, também conhecido como sangramento irregular é um dos motivos com que mulheres recorrem à ajuda de ginecologista frequentemente, e a principal característica do sangramento de escape é o fato de ser um pequeno sangramento fora do período menstrual, que normalmente não é motivo para grandes preocupações, mas que deve ser investigado a sério em casos em que possa haver a possibilidade de gravidez ou mulheres que já estejam na menopausa.

Quando a coloração é marrom…

Para os casos de sangramento de escape marrom, médicos especialistas explicam que podem ocorrer por diversos motivos, mas que de modo geral é uma pequena quantidade de sangue oriunda do útero ou da própria vagina que se misturou com a secreção vaginal e acabou tomando a tonalidade marrom.

Pode ser causado por infecções de útero, de vagina, ameaça de aborto, câncer de endométrio, câncer de colo do útero, pólipos uterinos, miomas uterinos, início de uma gravidez normal ou mesmo alterações hormonais comuns, e devido a essa grande variedade de opções o correto é buscar ajuda médica sempre que observado este sintoma, de modo que a secreção escura possa ser diagnosticado e tratado antes de qualquer complicação.

sangramento de escape vermelho vivo

O que é quando o sangramento de escape está vermelho vivo?

Também em casos que o sangramento de escape apresenta uma tonalidade de vermelho mais vivo há diversas causas para o sangramento, e assim como o sangramento de escape marrom, ele pode não oferecer nenhum risco a mulher, se tornando algo comum, como acontece em casos de mulheres que iniciaram o uso de contraceptivos há pouco tempo.

Muitas vezes o sangramento pode não ser motivo para grandes preocupações, já que se trata de um fato comum, não significando falha no método ou qualquer outro problema grave, como também pode significar algum problema na gravidez, por exemplo, onde normalmente o sangramento de escape apresenta além do sangramento vermelho vivo, cólicas e dores fortes, o que pode ser sinal de um aborto espontâneo.

Por isso independente da tonalidade do sangramento de escape é muito importante que assim que ocorra seja investigado a sua causa, pois poderá ser uma simples mudança hormonal ou até ameaça de parto prematuro.

Para que ocorra o devido tratamento é necessário fazer o diagnóstico completo, de modo que não ocorra precipitação de nenhuma parte, nem tão pouco agravamento de quadro.

E esse sangramento altera a menstruação?

Normalmente o sangramento de escape não vem acompanhado de atraso na menstruação, e apenas para casos em que o sangramento veio dois ou três dias após a relação sexual pode haver esse atraso, sendo causado pela implantação do óvulo fecundado no útero.

Nesses casos é necessário aguardar o prazo de ao menos 15 dias para fazer o exame de gravidez.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *